Tenho saudades do abraço da minha mãe, dos meus irmãos, dos meus familiares e amigos.
Tenho dificuldade em explicar à minha filha que o seu aniversário não poderá ser festejado com os amigos e família, e que este ano vamos estar apenas os 4 juntos.
Tenho receio que no presente sejam cometidos erros que iremos pagar no futuro. Tenho um enorme orgulho no meu país e em todos aqueles que continuam a trabalhar e ajudar a salvar a economia e vidas.
Não tenho medo do futuro, que seguramente será diferente, mais consciente e menos tóxico. O universo, Deus, a natureza, o que entenderem, obrigou-nos a abrandar, a olhar uns para os outros e a sermos mais solidários.
Juntos vamos ultrapassar isto!!! Não tenham medo, respeitem-se e protejam-se.
#fiqueemcasa

March 25, 2020